ALGARVE VOLTA A DESPERTAR CURIOSIDADE NA FESTA DOS ÓSCARES

08/03/2018

Viola Davis, Susan Sarandon, Doug Jones, Mark Hammil ou o compositor Alexandre Desplat, vencedor do Óscar para Melhor Banda Sonora, foram algumas das dezenas de celebridades que mostraram vontade em visitar o Algarve.

No seguimento do sucesso alcançado no ano passado, o Algarve voltou a marcar presença numa das várias festas que antecederam a grande noite dos Óscares, onde participaram não só alguns dos nomeados para as várias categorias, mas também muitas outras celebridades da área do cinema, televisão, moda e desporto.

Nomes consagrados como Viola Davis, Susan Sarandon, Doug Jones, Mark Hammil – conhecido por interpretar Luke Skywalker na saga de ficção científica Star Wars – ou ainda Alexandre Desplat, o compositor francês que se sagrou vencedor do Óscar para Melhor Banda Sonora pelo seu trabalho no também premiado filme “A Forma da Água”, foram algumas das cerca de 70 personalidades que tiveram a oportunidade de ficar a conhecer um pouco mais sobre o Algarve e de receber um voucher com a oferta de estadia num dos seguintes resorts de luxo da região, associados da ATA que aceitaram participar nesta ação: NAU Hotels & Resorts; Grande Real Santa Eulália Resort & Hotel Spa; Real Marina Hotel & Spa e Hilton Vilamoura.

Promovida pela Associação Turismo do Algarve (ATA), a agência responsável pela promoção externa desta região enquanto destino turístico, esta ação foi realizada em parceria com a revista norte-americana Swanky Retreats, uma publicação dedicada às temáticas das viagens e lifestyle e dirigida a um segmento apreciador do turismo de luxo e diferenciador.

Tendo em conta o elevado impacto que tivemos com esta ação no ano passado em termos de visibilidade e de projeção internacional, este ano decidimos repetir a fórmula, despertando o interesse e a curiosidade do mercado norte-americano pelo Algarve. Percebemos que o reconhecimento externo do nosso destino está a aumentar, facto para o qual muito contribuiu a diversidade de prémios internacionais que a região tem conquistado nos últimos anos, e, deste modo, procurámos com esta iniciativa consolidar o posicionamento do Algarve como um destino apelativo e abrangente que apresenta, entre outros aspetos da sua diversificada oferta, um conjunto de infraestruturas de luxo”, explica Dora Coelho, diretora executiva da ATA.


De recordar que o mercado norte-americano é estratégico para o Algarve, tendo vindo a registar recentemente um crescimento significativo ao nível de indicadores como o número de hóspedes e de dormidas neste destino.
Em 2017, verificou-se um aumento de 28,6% do número de hóspedes face ao ano anterior (o correspondente a mais 13.311 pessoas), passando os EUA a representar o 7º mercado externo para a região no que diz respeito a este indicador. Relativamente às dormidas, registou-se em 2017 um crescimento de 31,4% face a 2016, o que se traduziu, em valores absolutos, em mais 39.697 dormidas de turistas norte-americanos no Algarve.